Informações sobre a vacina contra a COVID-19 utilizada em Campinas

 

A Campanha Nacional de Vacinação contra a COVID-19 foi iniciada com as vacinas autorizadas para uso emergencial pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) após rigorosa análise dos requisitos de segurança, qualidade e eficácia, bem como a comprovação de que o benefício do uso emergencial das vacinas contra a Covid-19 é favorável em relação aos riscos.

Com a aplicação da vacina, nas doses recomendadas, o sistema imunológico passaria a produzir anticorpos contra o agente causador da COVID-19. Ou seja: a vacina não tem o objetivo de eliminar o vírus, mas sim proteger a pessoa infectada pelo vírus para que não desenvolva sintomas graves da doença diminuindo o risco de complicações e morte.

 

arte vacina aprovada anvisa

Para saber mais, acesse: https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/paf/coronavirus

 


 

Observe abaixo um breve resumo sobre o desenvolvimento da vacina:

  • Passo 1

    O vírus é isolado em laboratório

  • Passo 2

    Os cientistas infectam células com o vírus para que ele se multiplique

  • Passo 3

    Os vírus são coletados e inativados por meio de procedimentos químicos para não causarem infecção

  • Passo 4

    Uma substância chamada adjuvante é adicionada aos vírus inativados e purificados para formular a vacina

  • Passo 5 A vacina é armazenada, conservada e transportada em rigoroso controle de temperatura

  • Passo 6

    A vacina é aplicada em duas doses para induzir a produção de anticorpos por parte do sistema imunológico